Usamos cookies em nosso site para lhe dar a experiência mais relevante, lembrando suas preferências e repetindo visitas. Ao clicar em "Aceitar tudo", você concorda com o uso de TODOS os cookies. No entanto, você pode visitar "Configurações de cookies" para fornecer um consentimento controlado.

Visão geral da privacidade

Este site usa cookies para melhorar sua experiência enquanto você navega pelo site. Destes, os cookies categorizados conforme necessário são armazenados no seu navegador, pois são essenciais para o funcionamento das funcionalidades básicas do site. T...

Sempre ativado

Os cookies necessários são absolutamente essenciais para que o site funcione corretamente. Esta categoria inclui apenas cookies que garantem funcionalidades básicas e recursos de segurança do site. Esses cookies não armazenam nenhuma informação pessoal.

Quaisquer cookies que podem não ser particularmente necessários para o funcionamento do site e são usados especificamente para coletar dados pessoais do usuário através de análises, anúncios, outros conteúdos incorporados são denominados como cookies não necessários. É obrigatório obter o consentimento do usuário antes de executar esses cookies em seu site.

Categories
Coluna do Astrônomo

SLS: o foguete mais potente do mundo

 

Até hoje nenhum foguete mais potente que o Saturno V foi lançado. O Saturno V tinha 111 metros de altura, 3000 toneladas e uma capacidade de levar 118 toneladas de equipamento para orbitas baixas (Low Earth Orbit = LEO). Este colosso foi o responsável pelo envio dos astronautas do programa Apollo à Lua.

Depois do programa Apollo, o sistema mais potente e versátil para colocar satélites em órbita foi o Space Shuttle. Essa nave era capaz de colocar 24 toneladas em órbita baixa. Mesmo com toda esta potência, um Space Shuttle não pode alcançar à Lua.

O novo sistema de foguete desenvolvido pela NASA é chamado Space Launch System (SLS). Este sistema aproveita muitas das tecnologias desenvolvidas para o Space Shuttle. O SLS promete por 130 toneladas em LEO, ou seja, 12 toneladas a mais que o Saturno V. O plano é que este foguete leve naves tripuladas à Lua e à Marte, a partir de 2018.

Ver links:

 
Categories
Coluna do Astrônomo

Os foguetes mais poderosos já lançados

 

Se alguém me perguntasse hoje qual o foguete mais potente que a Humanidade já fez eu responderia sem titubear: Saturno V. Desenvolvido para o programa lunar americano este monstro de 111 metros de altura foi responsável por 13 lançamentos entre 1967 e 1973. Medimos a potência de um foguete a partir da maior carga que ele pode levar até uma certa altura. O Saturno V podia levar 118 toneladas para órbitas “baixas”, identificadas pela sigla  LEO (Low Earth Orbit). Estas órbitas se encontram entre 350 e 1400 km acima da superfície da Terra. Para levar cargas a Lua o foguete deve ser capaz de realizar o que chamamos de manobra “injeção translunar” (em inglês a sigla é TLI, TransLunar Injection). O Saturno V era capaz de levar 47 toneladas numa TLI.

Durante a corrida espacial a URSS desenvolveu o seu equivalente ao Saturno V em segredo: o N1. Este foguete nunca passou da fase de protótipo. Entre 1969 e 1972 vários N1 explodiram sem sair da atmosfera terrestre. Se funcional, o N1 seriam o carro-chefe do programa lunar soviético. Em 1987, a antiga URSS lançou um potente foguete denominado Energia capaz de levar 100 toneladas até LEO e 32 toneladas até TLI. Um  foguete russo Proton M explodiu no lançamento esta semana mas isso não chega a ser grande ameaça a uma folha corrida de 85 lançamentos desde 2001.  Um Próton M é capaz de por 21 toneladas em LEO. Estes foguetes foram os principais cargueiros que permitiram a construção das estações espaciais Mir e ISS. 

Atualmente potentes foguetes tem feito lançamento de cargas ao espaço. Os americanos contam com o Titan IV desde de 1997 e os europeus com Ariane 5 desde 2002.

Uma grande promessa da indústria aeroespacial para lançar grandes cargas é o Falcon Heavy.  Apesar de não alcançar as cifras do Saturno V, o Falcon pode por 57 toneladas em órbitas baixas. O Falcon Heavy usará muitos motores pequenos no momento do lançamento. Esta é a mesma estratégia do russo Soyuz, lançador de fama comprovada que usa 20 motores. Os 27 motores foguetes do Falcon poderão desenvolver juntos um empuxo enorme durante o seu lançamento. Seus concorrentes mais próximos também estão em desenvolvimento: o chinês Long March 9 com capacidade para 100 toneladas  e o americano SLS (70 toneladas).

Links sobre o assunto:

Foguete Proton M explodindo

Dados do Falcon Heavy

Reportagem sobre o Falcon Heavy (o título não está correto mas a matéria é boa)

 

Comparação entre foguetes lançadores