Vendo a Terra do espaço

 

A sonda Cassini, que está pesquisando o planeta Saturno, foi lançada em 1997, e fotografou o planeta em 19 de julho deste ano, com um objetivo bem peculiar: fotografar a Terra. Essa é a terceira vez que temos uma imagem do planeta Terra de uma posição distante no Sistema Solar. Isso foi possível com uma configuração bastante feliz. Visto da Cassini, o Sol foi eclipsado, permitindo a visualização de diversos objetos, entre eles o nosso planeta.

Na imagem podem ser vistos os planetas Terra (Earth), Vênus e Marte (Mars). Sete satélites de Saturno, dos seus mais de 60, também foram capturados. Pode-se, ainda, observar com grande clareza os magníficos anéis. Os anéis refletem a luz do Sol e acabam se destacando e iluminam um pouco o lado em que é noite em Saturno. Uma visão única e deslumbrante do planeta dos anéis!

Esta imagem é uma composição de 141 fotos tiradas pela sonda, num período de quatro horas com filtros nas cores vermelha, verde e azul. A combinação destas cores nos dá a tonalidade real do planeta. Cassini estava a uma distância de 1,2 milhão de quilômetros de Saturno no momento das fotos.

 


Saturno possui mais de 120.000km de diâmetro mas, com os anéis, seu tamanho mais que dobra. Pode-se ver claramente a diversidade dos anéis e suas lacunas (divisões). A maior separação é conhecida como Divisão de Casini. Existem satélites entre os anéis conhecidos como pastores, pois lembram um pastor com o seu rebanho, que são os anéis propriamente ditos, formados por milhares de pequenas rochas de gelo.

De longe parecemos tão frágeis e, ao mesmo tempo, sabemos que podemos ir bem longe, desvendando as maravilhas do Universo. Quem sabe um dia estaremos presentes em lugares que, por enquanto, só se apresentam nas histórias de ficção científica, nas telas dos cinemas. Somos destemidos, mas habitamos um planeta que, aos olhos de nossas invenções, nos parece apenas um pálido ponto azul!

 

 

Leave a comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *