Usamos cookies em nosso site para lhe dar a experiência mais relevante, lembrando suas preferências e repetindo visitas. Ao clicar em "Aceitar tudo", você concorda com o uso de TODOS os cookies. No entanto, você pode visitar "Configurações de cookies" para fornecer um consentimento controlado.

Visão geral da privacidade

Este site usa cookies para melhorar sua experiência enquanto você navega pelo site. Destes, os cookies categorizados conforme necessário são armazenados no seu navegador, pois são essenciais para o funcionamento das funcionalidades básicas do site. T...

Sempre ativado

Os cookies necessários são absolutamente essenciais para que o site funcione corretamente. Esta categoria inclui apenas cookies que garantem funcionalidades básicas e recursos de segurança do site. Esses cookies não armazenam nenhuma informação pessoal.

Quaisquer cookies que podem não ser particularmente necessários para o funcionamento do site e são usados especificamente para coletar dados pessoais do usuário através de análises, anúncios, outros conteúdos incorporados são denominados como cookies não necessários. É obrigatório obter o consentimento do usuário antes de executar esses cookies em seu site.

Planetário e Observatório Nacional: Parceria das Estrelas

O Universo está aumentando de tamanho, e cada vez mais rápido. Essa expansão acelerada é consequência da ação de uma energia cuja origem é totalmente desconhecida, e foi batizada de energia escura. Sabia que cientistas brasileiros estão entre os pesquisadores que buscam compreender mais sobre essa misteriosa entidade?

Uma parceria firmada entre o Planetário e o Observatório Nacional irá mostrar muito do trabalho realizado pelo LIneA (Laboratório Interinstitucional de e-Astronomia) no projeto DES (do inglês: Dark energy Survey), em busca de compreender mais sobre a energia escura. A ideia é levar ao público detalhes do processo, desde o funcionamento dos equipamentos de observação até análises feitas por astrônomos utilizando os dados coletados.

Aguarde palestras, vídeos e sessões de cúpula com esse objetivo. Esperamos com essa oportunidade falar bastante sobre Cosmologia e a ciência feita por brasileiros. Pretendemos que além de compreender o que os cientistas pensam sobre nosso Universo em grande escala, possamos discutir com vocês a participação brasileira em questões científicas que envolvem projetos internacionais.

Da esquerda para direita: Ana Carolina, diretora financeira da Fundação Planetário do Rio de Janeiro; Dr. João dos Anjos, diretor do Observatório Nacional (ON); Dr. Nelson Furtado, presidente da Fundação Planetário do Rio de Janeiro e Dr. Luiz Nicolaci da Costa, Astrônomo do ON e coordenador do LIneA.

Uma das maiores satisfações para quem trabalha com educação científica no Brasil é falar da ciência feita no país. Por isso estamos muito felizes com essa parceria astronômica!