Usamos cookies em nosso site para lhe dar a experiência mais relevante, lembrando suas preferências e repetindo visitas. Ao clicar em "Aceitar tudo", você concorda com o uso de TODOS os cookies. No entanto, você pode visitar "Configurações de cookies" para fornecer um consentimento controlado.

Visão geral da privacidade

Este site usa cookies para melhorar sua experiência enquanto você navega pelo site. Destes, os cookies categorizados conforme necessário são armazenados no seu navegador, pois são essenciais para o funcionamento das funcionalidades básicas do site. T...

Sempre ativado

Os cookies necessários são absolutamente essenciais para que o site funcione corretamente. Esta categoria inclui apenas cookies que garantem funcionalidades básicas e recursos de segurança do site. Esses cookies não armazenam nenhuma informação pessoal.

Quaisquer cookies que podem não ser particularmente necessários para o funcionamento do site e são usados especificamente para coletar dados pessoais do usuário através de análises, anúncios, outros conteúdos incorporados são denominados como cookies não necessários. É obrigatório obter o consentimento do usuário antes de executar esses cookies em seu site.

Maratona das Voyagers

As sondas Voyager detêm o título de ser a mais longa missão (atualmente, 33 anos) criada para estudar o Universo.

Desde os seus lançamentos em 1977 (Voyager 2, lançada em 20 de agosto, e Voyager 1, em 5 de setembro), elas têm brindado os astrônomos com  informações dos planetas gigantes (Júpiter, Saturno, Urano e Netuno), e ainda hoje nos enviam dados dos confins do Sistema Solar sobre o vento solar e a sua interação com  os planetas.  No dia 13 de julho, a Voyager 1 alcançará 12.000 dias de missão, feito alcançado pela Voyager 2 no dia 28 de junho. São os mais distantes objetos fabricados pelo homem. A Voyager 2 está a cerca de 17 bilhões de quilômetros, enquanto a Voyager 1 está a impressionantes 22 bilhões de quilômetros. Estima-se que nos próximos cinco anos ambas deixem o Sistema Solar e comecem um nova aventura, agora pelo espaço interestelar. Se você deseja acompanhar a continuação dessa viagem, ou saber o que ela nos trouxe de conhecimento, visite o site do Laboratório de Propulsão a Jato da Nasa: http://voyager.jpl.nasa.gov/