Por Que Visitar o Planetário

Quem nunca olhou para o céu e se perguntou o que existe além dos pontinhos brilhantes que conseguimos ver? Como são formadas as estrelas? E as fases da Lua? Estamos mesmo sozinhos no universo?

A Astronomia é uma ciência que encanta a todos, que gera curiosidade e fascínio em todas as idades. Dentre tantas perguntas que aparecem em nossas mentes quando pensamos em Astronomia, existe uma que não é fácil de responder: por que visitar o Planetário? Respostas como “porque é um lugar incrível” ou “porque pode-se aprender muitas coisas” não seriam suficientes para explicar a experiência que é visitar o Planetário.

Entrar no Museu do Universo e dar de cara com um Sistema Solar, aprender com experimentos interativos, explorar uma nave que pode nos ensinar muito sobre o que se sabe do Universo. Depois de visitar o Museu, ainda existe uma atração que parece coisa de outro mundo: a sessão de cúpula. Assistir a uma sessão de cúpula no Planetário é como embarcar em uma viagem de conhecimento, aprender sobre os planetas, as estrelas e as constelações com a sensação de estar olhando para o céu de verdade é uma experiência sem igual. Às quartas e sábados, se o céu estiver limpo, ainda temos a Observação do Céu. Ter a oportunidade de olhar por um telescópio de verdade e ver um astro a milhões e milhões de quilômetros de distância é extraordinário. É na observação do céu que também se pode conversar com astrônomos e fazer todo tipo de pergunta sobre Astronomia. Existem infinitas respostas para a pergunta “por que visitar o Planetário?”, são infinitas sensações, descobertas e alegrias. Talvez seja mais fácil responder à pergunta contrária: por que não visitar o Planetário? É, essa é bem fácil: não existe um motivo para não ir ao Planetário.

Texto de Sabrina Müller