Usamos cookies em nosso site para lhe dar a experiência mais relevante, lembrando suas preferências e repetindo visitas. Ao clicar em "Aceitar tudo", você concorda com o uso de TODOS os cookies. No entanto, você pode visitar "Configurações de cookies" para fornecer um consentimento controlado.

Visão geral da privacidade

Este site usa cookies para melhorar sua experiência enquanto você navega pelo site. Destes, os cookies categorizados conforme necessário são armazenados no seu navegador, pois são essenciais para o funcionamento das funcionalidades básicas do site. T...

Sempre ativado

Os cookies necessários são absolutamente essenciais para que o site funcione corretamente. Esta categoria inclui apenas cookies que garantem funcionalidades básicas e recursos de segurança do site. Esses cookies não armazenam nenhuma informação pessoal.

Quaisquer cookies que podem não ser particularmente necessários para o funcionamento do site e são usados especificamente para coletar dados pessoais do usuário através de análises, anúncios, outros conteúdos incorporados são denominados como cookies não necessários. É obrigatório obter o consentimento do usuário antes de executar esses cookies em seu site.

Próximas cinco aproximações de asteroides em relação à Terra

Existe um programa de reastreamento de asteroides e cometas que vasculha o céu à procura de objetos que se aproximam da Terra, conhecido como NEO. Na tabela acima são apresentadas as próximas aproximações de asteroides conhecidos, com seu tamanho, a comparação de tamanho com objetos terrestres e a sua distância mínima. Vale lembrar que a distância média entre a Terra e a Lua é de 385.000 quilômetros. Estes asteroides passarão pelo menos três vezes mais distantes do que a Lua se encontra de nós. Mas em termos astronômicos esses valores são muito pequenos.

Um objeto maior que 150 metros de tamanho, que se aproxime da Terra, passando a uma distância de até 20 vezes a distância da Lua, é considerado um objeto potencialmente perigoso. Mais informações sobre asteroides e cometas potencialmente perigosos e suas próximas aproximações podem ser obtidas no seguinte endereço:

http://neo.jpl.nasa.gov/ca/